quarta-feira, abril 28, 2010

Museus e Harmonia Social



Nos últimos anos, o mês de Maio tem vindo a associar-se aos museus devido a
duas importantes celebrações que têm lugar neste período: a Noite dos Museus e o
Dia Internacional dos Museus.

- A Noite dos Museus, iniciativa proposta pelo Ministério da Cultura e da Comunicação de França desde 2005, decorrerá este ano no dia 15 de Maio, sábado anterior ao Dia Internacional dos Museus.
- O Dia Internacional dos Museus, efeméride de grande tradição para
o mundo dos museus desde o dia 18 de Maio de 1977, por proposta do ICOM –
Conselho Internacional de Museus, será celebrado em 2010 sob o tema “Museus e
Harmonia Social” com actividades dedicadas ao tema “Museus e Harmonia Social”.

Mais uma vez o tema proposto para a comemoração do Dia dos Museus
vem reiterar a questão social na contemporaneidade, com os seus permanentes
desafios e necessidades, fruto das transformações de que são alvo os contextos
sociais, culturais, económicos…, exigindo a criação constante de “pontes” e
articulações e a afinação de programas nos museus que contribuam para a
integração / coesão / harmonia social.



Informação veiculada pelo Instituto dos Museus e Conservação, Ministério
da Cultura



O Museu da Chapelaria associa-se naturalmente a estas comemorações, com um vasto programa de actividades dirigidas a todas as idades.

A 15 de Maio celebra-se a Noite dos Museus, sendo que o Museu estará aberto entre as 21h00 e as 24h, com um Workshop de Danças do Mundo e visitas orientadas (entrada gratuita e inscrição obrigatória).

Entre 15 e 23 de Maio temos um chapéu cheio de actividades para si que iremos dando conta no blog e na agenda do Museu.

Em Maio contamos consigo.
Junte-se a esta festa!

sexta-feira, abril 23, 2010

Música no Museu


Amanhã, dia 24 de Abril, o museu abrirá as suas portas à noite, às 21h30, para acolher o Concerto de Música de Câmara pela Orquestra de Câmara da Academia de Música de S. João da Madeira.


Este concerto, organizado pela Academia de Música de S. João da Madeira, integra-se nas Comemorações do 25 de Abril.


A entrada é gratuita.

Maio. Mês dos Museus



O Dia Internacional dos Museus é comemorado em todo o Mundo, desde 1977.


Todos os anos o ICOM (International Council of Museums) propõe um tema ao qual os museus, habitualmente, se associam.

Em 2010, tema é MUSEUS E HARMONIA SOCIAL.


O conceito de HARMONIA tem sido particularmente importante para as culturas ocidentais. Por detrás deste conceito estão os pressupostos de diálogo, tolerância, coexistência e desenvolvimento que assentam, naturalmente, nos princípios do pluralismo e da diferença.


Por este motivo, os museus, enquanto meio para a promoção do intercâmbio cultural, do enriquecimento das culturas, da promoção do entendimento mútuo e, consequentemente, da cooperação e da paz entre os povos, assumem, em 2010 a missão de serem também porta-vozes desta mensagem.

Ao longo de todo o mês de Maio, o Museu da Chapelaria vai inaugurar diversas exposições temporárias, vai realizar workshops, actividades especiais para as famílias e escolas, vai promover visitas nocturnas ao museu e caminhadas pelo património industrial do concelho.

Participe na grande festa dos Museus e traga toda a sua família.


O programa será divulgado ao longo do mês.

sexta-feira, abril 16, 2010

A IV Feira da Ciência já abriu!


 
 
Aberto ao público em geral no próximo dia 24 de Abril das 14h00 às 17h30 na Sala do Serviço Educativo.

terça-feira, abril 13, 2010

Momentos divertidos das Férias no Museu




As férias da Páscoa destes jovens foram passadas no Museu da Chapelaria a descobrir as mil e uma aventuras escondidas no Serviço Educativo.
Foram várias as actividades que desenvolveram a criatividade e estimularam o sentido crítico e novos sentimentos no grupo de jovens com idades entre os 7 e os 12 anos.
Ao longo destes 9 dias divertidos aprenderam-se coisas como apertar e enfeitar os nossos ténis, construir lápis com pernas e cabeça ou mesmo aprender a trabalhar o barro.
Para o Verão entre o dia 21 de Junho e 3 de Julho decorrerá mais uma edição das Férias de Verão no Museu com a especial participação do Serviço Educativo dos Paços da Cultura. 

quarta-feira, abril 07, 2010

Actividades da Páscoa no Mundo das Mulheres

As Estrelas e Ouriços estiveram no dia 30 de Março no programa O Mundo das Mulheres da Sic Mulher a dar sugestões de actividades para as Férias da Páscoa. Ao minuto 19 do vídeo seguinte são apresentadas as actividades do Museu da Chapelaria. 

terça-feira, abril 06, 2010

associação dos amigos do museu da chapelaria

A Associação dos Amigos do Museu da Chapelaria que começa agora a dar os seus primeiros passos tem por objectivo a promoção e desenvolvimento de actividades de investigação científica, de apoio ao Museu (nas suas diversas tarefas culturais, lúdicas, científicas e educativas) colaborando com outras associações, empresas, instituições Universitárias e não Universitárias, públicas ou privadas.

Veja o blog da Associação aqui e descubra como ser Amigo do Museu da Chapelaria.

segunda-feira, abril 05, 2010

Chapéu do Mês - Pickelhaube

video

A partir de meados do século XIX e até ao início do século XX, o Pickelhaube tornou-se um dos modelos de capacetes militares mais célebres de todo o mundo.
Este terá sido desenhado em 1842 por Frederico Guilherme IV, rei da Prússia, apesar da existência de modelos semelhantes no exército russo, tendo sido introduzido por ordem imperial a 23 de Outubro de 1842 na Infantaria prussiana e posteriormente nos restantes principiados alemães.

O Pickelhaube original, de tradução literal, chapéu com ponta, era um capacete de couro envernizado de cor preta, com uma altura entre 34 e 38 cm, que possuía um visor de forma quadrada, um espigão no topo e guarnições em latão ou prata que simbolizavam a Nação. Na Prússia, a imagem mais comum consistia numa águia de asas abertas.
Ao longo da segunda metade do século XIX, o Pickelhaube foi adoptado por forças armadas de vários países, acabando o modelo original por sofrer variações tanto no desenho como nas matérias-primas utilizadas.
Nas variantes mais comuns, o material primário passou a ser o tecido ou o feltro, os espigões ora mudavam de tamanho e formato ora desapareciam para dar lugar a enormes crinas ou plumas.

Com o final da I Guerra Mundial (1914-1918), o Pickelhaube, capacete militar oficial dos estados vencidos (Impérios Alemão, Austro-Húngaro e Turco-Otomano), pelo seu simbolismo imperial ganhou uma conotação tão negativa que acabou por ser gradualmente afastado do cenário militar activo.
A partir da década de 30 do século XX e até à actualidade, passou não só a fazer parte do uniforme de gala das forças armadas ou guarda de honra, mas acabou também por ser adoptado por outras instituições como a polícia, bombeiros, escolas com bandas de música de países de todo o mundo.

Em Portugal, a Unidade de Segurança e Honras de Estado (USHE) que incluí o Esquadrão Presidencial, a Charanga a Cavalo, a Banda da Guarda, o Grupo de Honras de Estado e o Grupo de Segurança, adoptaram o Pickelhaube com algumas variantes no seu fardamento.
Todos os capacetes são de cor preta com visor quadrado ou triangular e contêm a imagem do Escudo de Armas de Portugal na guarnição frontal, as variações encontram-se no espigão, tendo uns apenas o espigão e noutros foi adicionada ao mesmo uma longa crina branca.

sábado, abril 03, 2010

O desejo de uma...


Informamos os nossos visitantes que o Museu da Chapelaria estará encerrado no domingo de Páscoa, assim como a Exposição Viarco Express patente na torre da Oliva.